Voltamos ao tempo das cartas! Já ninguém manda muitas, não é? Imagine que recebe uma carta comovente de alguém a pedir contribuições de equipamento que já não usa para poder ajudar as crianças que precisam de aceder à escola?

Foi isso que a nossa mentora Teresa fez! Para dar seguimento à recolha de equipamento informático, decidiu entregar cartas aos vizinhos do seu condomínio para espalhar a mensagem de como podem ajudar. Sem esperar, recebe esta mensagem que alimentou a sua motivação!

Quando queremos, arranjamos sempre uma maneira!